A Adega

Apresentação · Região · História
APRESENTAÇÃO

ADEGA COOPERATIVA DA BATALHA


icon


Desde 1959 que a Adega Coop. da Batalha, aproveita o que há de melhor nas encostas que envolvem o Mosteiro.

Mais de 500 hectares de vinha, trabalhada com toda a paixão, empenho e dedicação das suas gentes, dão origem a vinhos com “sabor a tradição”.


A Adega Coop. da Batalha, representa mais de 85% da produção vinícola

do Concelho da Batalha, integrando também os concelhos vizinhos.







REGIÃO

Encostas D'Aire


icon


A região onde se insere a Adega Coop. da Batalha, situada

na Alta Estremadura, cujas paisagens diversificadas, o solo
e o clima temperado influenciam grandemente a produção
agrícola da região.


Esta região estende-se numa vasta área que vai desde

as encostas das Serras d’Aire até ao Oceano Atlântico.


HISTÓRIA

Uma Cooperativa desde 1959


icon


A Adega Cooperativa da Batalha foi fundada em 1959, por um pequeno grupo

de viticultores que já tinham raízes no movimento cooperativo.

DÉCADA

1960-1979


Em 1960 a Adega Cooperativa da Batalha adquire o

terreno, dando início da sua construção. A partir deste

ano a Adega não mais parou de crescer, tanto em

capacidade como em número de associados.

Nas décadas de 60 e 70 a Adega procedeu à ampliação das suas instalações, desde a construção dos balões,

ao armazém até a um novo sistema de engarrafamento.

Deu-se um crescimento de entrega de uvas por parte

dos cooperadores, quantidade essa superior à capacidade
da Adega, problema resolvido 
superiormente pelos dirigentes da altura.



DÉCADA

1980-1989


Na década de 80 (1980-1989) continuamos a ampliação

das instalações construindo dezasseis balões com capacidade de 250.000 litros cada.

Ao longo desta década iniciou-se uma revolução na

qualidade dos vinhos tintos, com a aquisição de 10

cubas de fermentação revestidas a epóxi e dotadas de

auto-vinificadores.

A Adega nesta época já totalizava 1.500 associados.

A Adega exporta pela primeira vez os seus vinhos.

No final desta década foi criada a denominação de origem “Encostas d’Aire”, que passará a regulamentar

e certificar os vinhos V.Q.P.R.D.




DÉCADA

1990-1999


Na década de 90 foi construído o edifício das actuais instalações administrativas e sociais, um novo armazém

e remodelação de parte das instalações já existentes,

como a recepção e vinificação da uva.

Lançamos o nosso V.Q.P.R.D “Encostas d’Aire”.

Nesta década estavam inscritos 2211 associados dos

quais 996 entregaram uvas.

No âmbito da sensibilização ambiental, Iniciou-se os

estudos relativos à estação de pré-tratamento de

resíduos bem como o começo das obras. 









DÉCADA

2000-2010


Na primeira década do século XXI aumentamos o nosso

nível da qualidade, de apresentação e de segurança:

com o reforço da capacidade de refrigeração para

vinificação; reforço da capacidade de fermentação controlada de tintos; requalificação de pavimentos

e espaços envolventes; novos equipamentos e novo laboratório. Tudo isto para elevar ainda mais a

qualidade final do produto.

Lançamos o vinho V.Q.P.R.”Real Batalha” que

rapidamente se tornou um produto de referência

a nível Nacional.

Nesta década modernizamo-nos ao nível tecnológico

e da própria imagem, para responder a um mercado agressivo, a uma concorrência tanto interna como

externa.



Cooperativa Histórica


A Adega tem pautado desde sempre a sua actuação em função

das necessidades dos seus cooperadores, nunca esquecendo a

sua importância de carácter social.


Nos primeiros anos de implantação da Adega, os maiores

agricultores foram os impulsionadores da cooperativa, essa

força foi-se transmitindo gradualmente para os pequenos

produtores, sendo hoje na nossa região a Adega o refúgio e

única defesa desses pequenos produtores, que face ao actual 






modelo de comercialização de vinhos dificilmente

conseguiam escoar o seu produto.


Ao longo dos últimos anos a Adega tem solidificado a sua

posição tanto a montante como a jusante. A montante

pagando as uvas atempadamente e bastante acima da média

aos seus associados. A jusante, oferecendo (independentemente da gama de produto) uma qualidade
de excelência.